Mudanças climáticas
Close

Not a member yet? Register now and get started.

lock and key

Sign in to your account.

Account Login

Forgot your password?

Mudanças climáticas

As mudanças com o maior potencial de alterar a infraestrutura natural da Terra são aquelas relacionadas às experiências químicas que o homem tem imputado à atmosfera nos últimos cento e cinqüenta anos. A predominância do carvão, petróleo e gás natural como fontes de energia tem liberado grandes quantidades de carbono anteriormente confinado a camadas de rocha subterrâneas, elevando assim os níveis de gás de dióxido de carbono no ar em aproximadamente um terço.


Sabemos agora que isto tem causado mudanças globais nos sistemas climáticos ao aprisionar mais calor do sol na atmosfera. E estas mudanças vão ser ainda maiores se a concentração de dióxido de carbono continuar a crescer.

 

A natureza tem sempre se adaptado às mudanças climáticas, mas esta alteração certamente apresenta desafios sem precedentes a essa capacidade de adaptação. Há duas razões para isso. Primeiramente, o aquecimento global está ocorrendo a uma velocidade muito maior do que a projetada, algo jamais visto nos últimos 10.000 anos. Isto dificulta a migração das espécies para áreas mais adequadas ou sua adaptação às novas condições através do desenvolvimento de novos mecanismos de sobrevivência.

 

Os recifes de coral, por exemplo, estão morrendo em algumas áreas devido a uma relativamente pequena alteração nas temperaturas do mar associada a outras pressões como a poluição dos nutrientes e pesca excessiva.Igualmente importantes, as opções oferecidas a plantas e animais têm sido drasticamente reduzidas pelas mudanças maciças introduzidas pelo homem na paisagem. Muitas espécies estão literalmente confinadas a ilhas de natureza rodeadas por regiões urbanas ou de fazendas, sem qualquer “rota de fuga”, o que as torna altamente vulneráveis às mudanças climáticas.
Share and Enjoy:
  • Print
  • Digg
  • StumbleUpon
  • del.icio.us
  • Facebook
  • Yahoo! Buzz
  • Twitter
  • Google Bookmarks

Comente este artigo