Programa Águas do Futuro
Close

Not a member yet? Register now and get started.

lock and key

Sign in to your account.

Account Login

Forgot your password?

Programa Águas do Futuro

O Programa Águas do Futuro desenvolveu oficinas pedagógicas  em 9 escolas da região do Alto Tietê Cabeceiras, para a formação de Comitês Jovens nas unidades escolares. Realizado entre 2011 e 2012, o programa qualificou 120 professores e mais de 450 estudantes, em um formação cidadã, onde os alunos identificaram e participaram da solução dos problemas encontrados por eles, na Bacia hidrográfica.

Na primeira parte do programa Águas do futuro, em 2011, foram capacitados 120 professores. O material didático foi dividido em cinco fascículos, com temas discutidos e utilizados em cada uma das oficinas. Os encontros tiveram uma abordagem prática, com debates sobre a inserção do tema Água e a Gestão Participativa no currículo escolar.

A proposta do material é ser de uso prático nas oficinas com os educadores, além de norteador e inspirador de práticas inovadoras em sala de aula. Cada fascículo traz um conceito importante e o desdobramento deste, em diversas formas de formar o aprendizado e incentivar a reflexão. O professor é levado a utilizar os conceitos debatidos, em suas disciplinas específicas, utilizando a abordagem, a metodologia e a dinâmica do fascículo que mais lhe convenha.

No ano de 2012 foram selecionadas as escolas que desenvolveriam o projeto Comitês Jovens, tendo como facilitadores os professores capacitados. A partir daí foram realizadas inúmeras atividades, com eventos internos e externos, para que os alunos pudessem desenvolver a noção de pertencimento ao espaço escolar e ao entorno, em seu bairro, assim como compreender como atuar na busca de soluções para os problemas que vê.  Os CJ  realizaram Diagnóstico do entorno das escolas e confeccionaram um Mapa do “pedaço”, com o olhar deles sobre o local e com informações hídricas e de outros temas urbanos. Receberam instruções, informações e qualificação para a prática de atuação em comitês de bacias, formando assim os Comitês Jovens.

Os CJ formados apontaram problemas, formularam soluções, propostas ou perguntas e fizeram solicitações diretas no Comitê do Alto Tietê, assim como elaboraram cartas aos órgãos competentes, protocolando-as em prefeituras, entregando diretamente à Juízes no Ministério Público e a outros órgãos. A maioria das solicitações foi atendida ao respondida.

Hoje, os CJ são autônomos, independentes até mesmo da unidades escolar, com informação e formação cidadã.

O Programa Águas do Futuro foi premiado no X Diálogo Interbacias, em 2012.

Share and Enjoy:
  • Print
  • Digg
  • StumbleUpon
  • del.icio.us
  • Facebook
  • Yahoo! Buzz
  • Twitter
  • Google Bookmarks